Denis Sedov, baixo

Denis Sedov
Baixo

"Tall and commanding, gifted with a splendid physique and a bass to match, Denis Sedov (Maometto) seduced with his voice as well as with his presence."
OPERA DU RHIN, STRASSBOURG
Opera News

clique para download

A revista “Opera News” o descreve como “grande e dominador, dono de um físico esplêndido e uma voz à altura”, capaz de “seduzir tanto com a voz como com a presença”.

Estreou recentemente na Royal Opera House como Fígaro em “As Bodas de Fígaro”, Leporello em “Don Giovanni” sob a batuta de Riccardo Muti no Teatro alla Scala, e Colline em “La Bohème” na Ópera de Paris.

Interpretou Giorgio em “I Puritani” com a Ópera de Seattle, Frei Lourenço em “Roméo et Juliette” com a Ópera de Montréal, e Colline em “La Bohème” com a Sinfônica de Atlanta sob a regência de Robert Spano, a oitava sinfonia de Mahler com a Sinfônica de Québec, Nourabad em “Os Pescadores de Pérolas” com a Ópera Nacional de Washington e Zoroastro em “Orlando” de Handel com a orquestra Al Ayre Español.

Já se apresentou na Ópera de Paris, na Opéra Comique, no Gran Teatre del Liceu em Barcelona, no Théatre de la Monnaie, na Ópera de Montreal, Carnegie Hall, Teatro Colón, Atlanta Opera, Palm Beach Opera, Associacion Gayarre Amigos de la Opera, em Pamplona e Vancouver Symphony e também no Chile, na Argentina, no Japão e com as principais orquestras israelenses.

Gravou “Ariodonte” de Handel com Les Musiciens du Louvre sob direção de Marc Minkowski (Deutsche Grammophon).

Gravou também para a Deutsche Grammophon o papel de Soliony na estréia mundial de “Trois Soeurs” de Peter Eötvös e por último, Frei Lourenço em “Roméo et Juliette” com a Orquestra de Cleveland dirigida por Pierre Boulez e gravou em DVD a Sinfonia n.8 de Mahler com a Orquestra de Paris e regência de Christoph Eschenbach.

Correspondência Rua Conselheiro Nébias, 1501 - 50
São Paulo, SP
01203-002